Nova fórmula de hidratante da Anna Pegova promete combater o envelhecimento digital causado pela luz das telas e radiação do Wi-Fi

Quanto tempo a gente passa na frente de telas durante o dia? Com certeza passamos horas consideráveis, e isso vem afetando o envelhecimento da pele. Como é possível? As luzes que esses aparelhos emitem, assim como a sua radiação, causa danos às células, o que em médio a longo prazo gera um estresse oxidativo (aumento dos radicais livres) e alteração das opsinas nas células da pele, levando a danos ao DNA e manchas.

agência epohke, envelhecimento, digital, anna pegova

Divulgação

Dessa forma, o “envelhecimento digital” está se tornando algo mais comum do que podemos imaginar. Ele é provocado pela luz azul dos computadores, celulares, tablets e etc, pela luz visível e também artificial usada nas lâmpadas fluorescentes e LEDs e também pela radiação eletromagnética/wireless emitida pelos Wi-Fi. O mercado de beleza viu aí uma oportunidade de começar a prevenir esse danos, e assim surgiu a nova fórmula do Hydratant Mixte, da marca Anna Pegova.

Ele é o único produto existente até agora que oferece proteção contra o envelhecimento digital. Isso é possível através de um mecanismo diferente dos filtros solares, que são somente reflexivos. Sua fórmula mantém e protege a integridade dos fotorreceptores da pele, chamados opsinas, proteínas presentes na epiderme que deixam de nos proteger quando há uma superexposição à luz azul e radiação eletromagnética. Seu objetivo é melhorar a rede de fibras de colágeno, elastina e a hiperpigmentação da pele, além de hidratar as áreas mais secas. O creme tecnológico também induz a circulação de água interna entre os canais proteicos das células, o que tem efeito anti-aging. Ele promete trazer muitos benefícios para a pele, não é mesmo?

E você, também passa horas na frente do computador ou celular? Aqui pode estar a solução para retardar os efeitos da superexposição! Você pode encontrar o Hydratant Mixte no site da Anna Pegova por R$ 237,00.